quarta-feira, 23 de novembro de 2022

  • quarta-feira, novembro 23, 2022
  • Redação

Foto: Reuters/Dylan Martine
Por Agência Brasil

O gol do meio-campista espanhol Gavi na goleada por 7 a 0 de sua seleção sobre a Costa Rica na quarta-feira (23) fez dele o mais jovem jogador a marcar em uma Copa do Mundo desde Pelé em 1958.

Pelé tinha 17 anos na Suécia quando levou o Brasil ao seu primeiro título mundial, marcando seis gols naquela edição do torneio.

Gavi, de 18 anos, também garantiu o prêmio de melhor em campo ao se tornar o espanhol mais jovem a marcar em uma Copa do Mundo, quebrando o recorde de Cesc Fabregas, que tinha 19 anos quando marcou contra a Ucrânia no torneio de 2006. 

“Estou feliz pelas conquistas, mas o que realmente importa é que vencemos e fizemos um grande jogo, vamos seguir em frente”, disse Gavi em entrevista coletiva.

“Claro, é uma honra ser o segundo nesta lista, e é algo que me deixa muito feliz”, concluiu. 

Gavi marcou o quinto gol da Espanha aos 74 minutos com um voleio suntuoso na trave após um cruzamento de Alvaro Morata.

Ferran Torres marcou dois gols, e outros quatro jogadores levaram a Espanha a ultrapassar a marca de 100 gols no principal torneio do futebol mundial.

Gavi, do Barcelona (Espanha), se tornou o jogador mais jovem a representar a Espanha em novembro de 2021, dois meses após seu aniversário de 17 anos. Alguns meses depois, ele se tornou o jogador espanhol mais jovem a marcar um gol pelo seu país.