segunda-feira, 22 de agosto de 2022

  • segunda-feira, agosto 22, 2022
  • Redação
Foto: Isabel Infantes/Reuters

O volante brasileiro Casemiro chorou nesta segunda-feira (22) ao se despedir do Real Madrid após uma passagem de nove anos repleta de troféus no clube espanhol.

"Quando cheguei aqui, minha esposa e eu não conhecíamos ninguém. Estávamos sozinhos e construímos nossa história de vida aqui nesta cidade juntos", disse o jogador do Manchester United, com lágrimas escorrendo pelo rosto. "Cheguei para o time reserva e tive que lutar para chegar ao time principal. Aprendi os valores deste clube, trabalhando em sua academia". "Ganhei muito aqui, mas sempre senti que a maior honra era vir aqui para trabalhar todos os dias", acrescentou o jogador de 30 anos, que conquistou três títulos da LaLiga, um da Copa do Rei e cinco da Liga dos Campeões, entre outras premiações.

Casemiro agradeceu especialmente aos companheiros de equipe Luka Modric e Tony Kroos pelo apoio.

Um emocionado presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, elogiou Casemiro por tudo que ele fez no clube. "Você foi exemplar todos os dias em todos esses anos aqui. Você conquistou o direito de decidir seu futuro e devemos respeitá-lo. Você... deixa a imagem de campeão que você é", disse Pérez. "Você sempre será um de nós. Quando você voltar um dia, vamos lembrar desses momentos. Obrigado, Case, esta é e sempre será sua casa."

Real e United confirmaram na sexta-feira (19) que chegaram a um acerto para a transferência de Casemiro. A mídia britânica disse que o Manchester United fechou um acordo no valor de até 70 milhões de euros (o equivalente a R$ 361,9 milhões). "Quero enfrentar novos desafios, conhecer uma liga diferente, um país diferente, uma cultura diferente. Lá não ganhei nada, então ainda tenho tudo pela frente. Foi a decisão mais difícil da minha vida, mas estou animado com o que está por vir”, acrescentou Casemiro.

Próximas Transmissões

Sábado 14h00 | Final do Brasileirão Feminino | Corinthians x Internacional
Domingo 15h45 | Liga das Nações | Dinamarca x França
Segunda 15h45 | Liga das Nações | Inglaterra x Alemanha