quarta-feira, 27 de julho de 2022

  • quarta-feira, julho 27, 2022
  • Redação
Foto: Thais Magalhães/CBF

Por Agência Brasil

A seleção feminina de futebol foi convocada, nesta quarta-feira (27), para o Campeonato Mundial Sub-20, que será realizada entre 10 e 28 de agosto, na Costa Rica. A relação de 21 jogadoras chamadas pelo técnico Jonas Urias tem oito novidades em relação ao time campeão sul-americano da categoria. Entre elas, a atacante Gio Queiroz, do Barcelona (Espanha), que está com a equipe principal na Colômbia, para disputa da Copa América.

"A Gio é uma atleta que tem estado com a seleção principal desde antes das Olimpíadas de Tóquio [Japão]. Uma jogadora que atua em um campeonato de altíssimo nível, como o Espanhol, com certeza pode agregar muito em uma Copa do Mundo. Ela tem estado muito presente no trabalho da Pia [Sundhage, técnica da seleção adulta]. Temos um alinhamento em relação ao jogo, convivemos diariamente e conversamos sobre essas jogadoras que transitam entre as categorias, como elas podem contribuir e em qual estágio estão para desempenhar bem e seguirem se desenvolvendo. Vemos essa convocação como algo positivo para todos", descreveu Jonas, em entrevista coletiva.

Mais quatro atletas já foram convocadas por Pia, como a goleira Gabi Barbieri, a meia Yaya, a zagueira Lauren e a lateral Bruninha. As duas últimas chegaram a atuar com a treinadora na equipe principal e foram campeãs do Torneio Internacional de Manaus, em dezembro, também ao lado de Gio.

Santos e São Paulo são os times com mais jogadoras convocadas (quatro cada), seguidos pelo Grêmio (três). Internacional, Ferroviária e Flamengo marcam presença com duas atletas, enquanto Atlético-MG, Corinthians e os espanhóis Barcelona e Madrid CFF terão uma representante na equipe.

"Talvez, na história das seleções [femininas] de base, em disputas de Copas do Mundo, tenho certeza que é a geração com mais jogadoras atuando em nível profissional em seus clubes. Isso agrega competitividade, laços competitivos que vão contribuir para um desempenho melhor. Existem inúmeros outros fatores, mas estar jogando e convivendo diariamente com atletas de alto nível é de extrema importância. Uma jogadora do São Paulo, por exemplo, vai ouvir dicas da Formiga", analisou o técnico da seleção sub-20.

A delegação embarca para a Costa Rica neste domingo (31). Chegando lá, fará dois amistosos antes do Mundial. No dia 2 de agosto, as brasileiras encaram a equipe feminina principal do Dimas Escazú. No dia 5, duelam com a Nova Zelândia. Ambas as partidas serão na cidade de Liberia.

O Brasil está no Grupo A do Mundial. A estreia será diante da Espanha, no dia 10, no Estádio Nacional de San José. Três dias depois, a seleção enfrenta a Austrália, no Estádio Alejandro Morera Soto, em Alajuela. A participação na primeira fase chega ao fim no dia 16, outra vez em San José, contra a anfitriã Costa Rica. Os dois primeiros da chave avançam às quartas de final. As brasileiras buscam um título inédito.

As convocadas

Goleiras: Gabi Barbieri (Internacional), Yanne Camille (Ferroviária) e Amanda (Atlético-MG).

Defensoras: Bruninha (Santos), Lauren (Madrid CFF), Tarciane (Corinthians), Ravena (São Paulo), Patrícia (Grêmio), Sabrina (Santos) e Ana Clara (São Paulo).

Meias: Cris (Flamengo), Kaylaine Souza (Flamengo), Yaya (São Paulo), Analuyza (Santos), Gi Fernandes (Santos), Rafa Levis (Grêmio) e Luany (Grêmio).

Atacantes: Duda Rodrigues (São Paulo), Priscila (Internacional), Aline (Ferroviária) e Gio Queiroz (Barcelona).