domingo, 20 de março de 2022

  • domingo, março 20, 2022
  • Redação
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Por Agência Brasil

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou, na manhã deste domingo (20), a desconvocação de Raphinha e Gabriel Magalhães. Os dois atletas estão fora das duas últimas partidas das Eliminatórias da Copa contra o Chile, quinta-feira (24) no Maracanã, e Bolívia, terça-feira (29) no Hernando Siles, em La Paz.

O atacante Raphinha, do Leeds United (Inglaterra), testou positivo para o novo coronavírus (covid-19) e já havia desfalcado seu time na partida contra o Wolverhampton (Inglaterra), na última sexta-feira (18), pelo Campeonato Inglês. Seguindo o protocolo adotado pela CBF, o jogador não teria condições de viajar para o Brasil e se apresentar para o período de treinos e jogos.

Sobre a ausência de Gabriel Magalhães, de acordo com a CBF, o zagueiro do Arsenal (Inglaterra) entrou em contato com o coordenador da seleção brasileira, Juninho Paulista, e com o técnico Tite, avisando sobre a previsão do nascimento de sua filha na próxima semana. Entendendo a importância do momento, a CBF decidiu pela desconvocação.

Para o lugar de Gabriel Magalhães, o técnico Tite convocou Felipe, do Atlético de Madrid (Espanha). O zagueiro fazia parte do grupo convocado para a Copa América de 2021, mas acabou sofrendo uma lesão no joelho direito e, na ocasião, acabou dando lugar a Léo Ortiz.

A comissão técnica da seleção brasileira começa a se apresentar neste domingo (20), na Granja Comary, em Teresópolis (RJ). Os jogadores são esperados a partir de segunda-feira (21), quando está marcado o primeiro treino, às 16h (horário de Brasília).