segunda-feira, 31 de janeiro de 2022

  • segunda-feira, janeiro 31, 2022
  • Redação

Foto: Reuters/Phil Noble
Por Agência Brasil

Durante os últimos quatro dias, a China detectou 119 casos de covid-19 entre atletas e dirigentes envolvidos nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, com autoridades impondo uma bolha de "circuito fechado" para manter participantes e mídia separados do público.

A contagem do fim de semana mostrou 37 novos casos no domingo (30) e 34 no sábado (29), com a maioria testando positivo após a chegada ao aeroporto, disseram organizadores dos Jogos nesta segunda-feira (31).

A biatleta russa Valeria Vasnetsova disse que suas ambições olímpicas acabaram depois de testar positivo duas vezes após a chegada a Pequim, um dos três testes positivos russos anunciados nesta segunda-feira (31).

"Infelizmente, meu sonho olímpico continuará sendo apenas um sonho", escreveu Vasnetsova nas redes sociais. "Talvez um dia eu encontre forças para me levantar novamente, mas será uma história completamente diferente."

Oito atletas ou representantes de equipe estavam entre as 28 pessoas que testaram positivo na chegada ao aeroporto no domingo (30).

A integrante do Comitê Olímpico Internacional Emma Terho, que chefia a comissão de atletas do COI, também testou positivo e disse que estava isolada desde o fim de semana.

Os casos têm levantado alarmes entre os atletas preocupados que sua competição possa terminar antes mesmo de começar, depois de se prepararem meticulosamente por anos.

Cerca de três mil atletas, juntamente com treinadores, dirigentes, delegados de federação e mídia são esperados para os Jogos de 4 a 20 de fevereiro.

Próximas Transmissões

Terça 15h45 | Campeonato Inglês | Southampton x Liverpool
Terça 21h30 | Copa Libertadores | Red Bull Bragantino x Estudiantes (ARG)
Quarta 16h00 | Final da Liga Europa | Eintracht Frankfurt x Rangers
Quarta 21h30 | Copa Sul-Americana | Santos x Unión La Calera (CHI)
Quinta 21h30 | Brasileirão Série B | Guarani x Vasco