sábado, 29 de maio de 2021

  • sábado, maio 29, 2021
  • Redação
Foto: Felipe Oliveira

Por Agência Brasil

A edição 2021 da Série A do Campeonato Brasileiro teve início neste sábado (29). O primeiro time a vencer na competição foi o Bahia, que derrotou o Santos por 3 a 0 no estádio de Pituaçu, em Salvador. Nos outros dois encontros da noite, somente empates. No Morumbi, na capital paulista, São Paulo e Fluminense não saíram do zero em partida transmitida ao vivo pela Rádio Nacional. Na Arena Pantanal, Cuiabá e Juventude ficaram no 2 a 2, no jogo que abriu a competição. A igualdade custou o emprego do técnico Alberto Valentim, do Dourado.

O triunfo baiano no Pituaçu foi decidido nos primeiros sete minutos do segundo tempo, depois de uma etapa inicial em que o Esquadrão de Aço já havia sido superior ao Peixe. Antes mesmo do ponteiro do cronômetro completar a primeira volta, o lateral Pará bobeou e Rossi aproveitou. O atacante cruzou pela direita e o meia Thaciano apareceu na área para concluir.

Aos quatro, Rossi novamente escapou pela direita e deu assistência para Thaciano finalizar e ampliar. Três minutos depois, o meia Daniel cruzou pela esquerda o zagueiro Juninho, livre, cabeceou para marcar o terceiro do Tricolor. Desnorteado com os gols em sequência e mesmo com a posse de bola na casa dos 60%, o Santos foi incapaz de criar perigo.

Os dois times têm compromissos pela terceira fase da Copa do Brasil antes da próxima rodada da Série A. Na terça-feira (2), o Bahia enfrenta o Vila Nova no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, às 16h30 (horário de Brasília). No mesmo dia, às 19h, o Santos visita o Cianorte-PR no estádio Albino Turbay, em Cianorte (PR).

Pelo Brasileirão, as equipes voltam a campo no próximo sábado (5). O Peixe encara o Ceará às 19h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, em Santos (SP). Mais tarde, às 21h, o Esquadrão mede forças com o Red Bull Bragantino no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), às 21h.

Empate no Morumbi

Na capital paulista,  o Fluminense foi superior ao São Paulo no primeiro tempo e só não saiu na frente porque o goleiro Tiago Volpi defendeu um pênalti batido pelo meia Nenê aos 28 minutos. Na etapa final, o Tricolor carioca quase abriu o placar no minuto inicial, com Gabriel Teixeira. O atacante recebeu cruzamento pela direita do lateral Martinelli e chutou na saída de Volpi. A bola desviou no goleiro e tocou na trave.

Os anfitriões só conseguiram assustar na reta final da partida, com Joao Rojas. Aos 40 minutos, o atacante finalizou de surpresa, com o joelho, após cruzamento do lateral Reinaldo pela esquerda, mandando à direita, rente ao gol de Marcos Felipe. Nos acréscimos, o equatoriano teve nova oportunidade, mas o lance foi todo anulado por impedimento do atacante Éder na origem da jogada.

Aguardando a definição dos adversários nas oitavas de final da Libertadores, que sairá na terça, São Paulo e Fluminense terão a semana cheia para treinar. O Tricolor paulista só volta a campo no sábado que vem, às 19h, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, contra o Atlético-GO. O Tricolor carioca joga no próximo domingo (6), às 11h, diante do Cuiabá, no Maracanã.

Igualdade e demissão

Os mato-grossenses, aliás, saíram na frente do Juventude aos 28 minutos da primeira etapa, com o atacante Jonathan Cafu. Foi o primeiro gol da competição e o primeiro da história do Cuiabá na elite nacional. Antes do intervalo, os gaúchos conseguiram a virada, com gols do volante Wescley, aos 42, e do atacante Matheus Peixoto, aos 45 minutos. No segundo tempo, após muito pressionar, o Dourado igualou aos 41 minutos, com Élton aproveitou cruzamento do também atacante Guilherme Pato.

Após a partida, o Cuiabá anunciou a demissão de Alberto Valentim. O técnico durou apenas dez jogos no comando da equipe, com sete vitórias e três empates. Apesar do título estadual invicto conquistado no último domingo (23), o Dourado foi eliminado de forma precoce da Copa do Brasil, caindo para o 4 de Julho-PI nos pênaltis, na segunda fase. O time será dirigido pelo auxiliar Luiz Fernando Iubel, de forma interina, até a contratação do novo treinador.

O Juventude, de volta à primeira divisão após 14 anos, volta a campo no outro domingo, pela segunda rodada do Brasileirão, para enfrentar o Athletico-PR no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), às 18h15.

Próximas Transmissões

Sábado 10H00 | Eurocopa | Hungria x França
Sábado 13H00 | Eurocopa | Portugal x Alemanha
Sábado 16H00 | Eurocopa | Espanha x Polônia
Domingo 13H00 | Eurocopa | Itália x País de Gales
Domingo 16H00 | Brasileirão Série B | Náutico x Botafogo
Domingo 18H15 | Brasileirão Série A | Santos x São Paulo
Segunda 13H00 | Eurocopa | Macedônia x Holanda
Segunda 16H00 | Eurocopa | Rússia x Dinamarca
Segunda 18H00 | Copa América | Uruguai x Chile